terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Nova Williams FW35

Seguindo o que a maioria das equipes fez nesse ano, a equipe Williams evoluiu seu carro do ano anterior ao invés de se dedicar a algo completamente novo e que nem faria sentido se lembrarmos que todas as equipes já se concentram nos carros do ano que vem, que correrão sob um novo regulamento técnico e cujos projetos demandam grandes esforços.

Curta a página do BLOG no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1


O FW35, primeiro carro da equipe a não ter um brasileiro ao volante desde 2009 e que será pilotado pelo errático mas veloz Pastor Maldonado e ainda incognita Valteri Bottas, não tem mais o degrau no bico - que parece mais alto ainda - pois tal qual seu modelo anterior visto nos testes de Jerez, o esconde sob a escaramuça de uma tampinha e a pintura tem maior presença dos tons brancos e ainda menos patrocinadores que em 2012. Note também o cuidado com os dutos de freio dianteiros, com pequenas asas esculpidas de modo a ajudar ainda mais na pressão aerodinâmica.

E já que falamos de bico, é lá que fica a maior novidade da equipe: as hastes que seguram a asa dianteira tem uma inclinação negativa e um formato curvo parecido com o visto na Ferrari. A asa dianteira também é nova, sem aqueles mini-tuneis em sua base, optando por um caminho mais simples e confiável. O escapamento é semelhante com o visto nas demais equipes, mas há uma pequena haste metálica logo após sua saída, semelhante a vista na Caterham que me chamou a atenção (será que vai ficar?). De resto permanece com sua traseira extremamente compacta, algo característico desde 2011 e que facilita o fluxo de ar na traseira do carro. As entradas de ar são bem cavadas em sua porção inferior, sem nenhuma grande novidade específica, confira abaixo - Clique nas imagens para ampliá-las

11 comentários:

Alexey Karpov disse...

Tem um perfil limpo, entradas de ar laterais bem altas e pequenas otimizando a passagem do ar para a parte traseira. Gostei. O bico sem degrau ficou um pouco menos feio que o do ano passado, mas continua feio. A pintura (eu sei, isso não muda a performance do carro), está melhor e ajudou a deixar o carro visualmente mais bonito. Mas podia ter mudado mais.
Em resumo, parece veloz.

Anônimo disse...

Parece que construiram uma parece abaixo da entrada de ar. Faltou fluidez e engenharia ali viu.

Anônimo disse...

Errático, mas esta no clube dos vencedores da F-1 e conseguiu a primeira vitória em time mediano, coisa rara na categoria, nem Barrichello ou Massa conseguiram esse feito em início, meio ou fim de carreira. Foi Maldonado quem tirou a Williams da fila sem vitórias que durava 8 anos, portanto fez história com uma vitória épica batendo ninguém menos que Alonso no GP da Espanha! Maldonado com equipamento bem acertado foi buscar essa vitória começando pela posição de grid, na corrida foi impecável não dando segunda chance ao espanhol. Bruno Senna se envolveu em VÁRIAS pixotadas em 2012, isso ninguém nunca lembra! Pilotos como Massa, Rosberg e Vettel devem estar aliviados por Bruno estar fora, é uma chicane-ambulante a menos no grid. Schumacher e Kobayashi também iriam dizer a mesma coisa se corressem em 2013. A Williams deu chance aos pilotos brasileiros entre 2010 e 2012(2009 tiveram Rosberg e Nakajima), se Rubinho e Bruno não se garantiram ao volante, paciência! Maldonado esta fazendo tudo certo, chegou a F-1 de forma planejada, primeiro garantiu patrocínio suficiente para se manter em um time mediano por alguns anos, o resto vem com tempo e talento. Hulkenberg mostrou talento em 2011, mas sem grana ficou fora em 2012. A F-1 atual esta mais exigente, quem quiser vaga em time de ponta, tem que ter talento e um certo apoio, mas a regra é quase sempre a mesma, tem que começar por baixo. Kobayashi chegou a F-1 graças ao apoio da Toyota, mesmo mostrando talento ele tinha que se prevenir e correr atrás de patrocinador, as equipes do meio do pelotão sempre vão depender de grana. O japa correndo atrás de patrocinador seria visto com bons olhos pela Sauber, fazendo isso poderia exigir mais do time, é o que Maldonado vem fazendo desde 2012. Se tiver talento sobe pra time de ponta, se não, fica na F-1 até a grana acabar...simples!

Pastor cometeu vários erros, mas nas três primeiras temporadas ainda era um novato, ele sabe que 2013 é um ano decisivo em sua carreira. Se conseguir consistência na tabela, pode almeja um time melhor pra 2014. A Williams ainda esta longe de ser um time vencedor, portanto não adianta cobrar muito dos pilotos. Agora, ficar massacrando Maldonado e abafando erros do sobrinho em 2012, isso é coisa de pacheco.

Tarefa de Maldonado e Bottas em 2013 é igualar feitos dos pilotos da Sauber e Force India(talves da Toro-Rosso se voltar bem esse ano), se possível colocar a Williams a frente no mundial de construtores. Qualquer resultado entre os 6 primeiros pode ser considerado um grande feito, como conseguiu Maldonado em treinos oficiais ano passado. Pastor merece pelo menos o beneficio da dúvida, velocidade ele tem de sobra, em classificações(com equipamento mediano), às vezes até assusta!

1ºlugar-ESP
3ºlugar-EUR
5ºlugar-ALE
3ºlugar-BEL(com punição caiu para 6º)
2ºlugar-CIN
3ºlugar-ABU
6ºlugar-BRA(com punição caiu para 16º)

Metem tanto o pau no Maldonado, mas Bruno se enroscou várias vezes em 2012: AUS(2x),MAL(1),CHN(1),ESP(2x),EUR(1),ALE(1),ITA(2X),CIN(1),JPN(1),ABU(2),BRA(1) muita coisa! Fora as pixotadas em treinos-livres e classificações. Em Cingapura foi um show de besteirol, Bruno chegou a bater no mesmo lugar por três vezes, na corrida tocou no muro, dessa vez de pneu. Evidente que a FIA pegou Maldonado como bode espiatorio, mas Bruno também devia ser monitorado durante o ano, por pouco não fica marcado com “cagada-histórica” na F-1. Quase tirou o tricampeonato de Vettel no GP Brasil, e ainda colocou na culpa no alemão, barbaridade! Bruno não tem capacidade de andar com os melhores no top 10 com certa regularidade, ele sempre acaba levando um junto em uma bela pixotada. E o mais hilário, nunca a culpa foi dele...

Luis Torres disse...

esse ultimo anonimo ai é um louco, só pode.
ele não ter ou visto falar que todo o corpo técnico da williams queria o bruno e sabia que ele iria ajudar a desenvolver e muito o carro e que ele estava indo num bom caminho de evolução e o segundo ano dele seria MUITO superio ao primeiro.
é claro que ele teve dificuldades, assim como a williams.
alem disso, ele superestima maldonado de uma forma que nem os pais dele devem fazer.
o cara foi o que mais sofreu punições na temporada passada, as vezes parecia que tava correndo em um bate-bate.
ele tem muitos méritos por ter vencido, sim ele tem, mas ai acha que ele é top pera ai né.

Anônimo disse...

quem viu uma asa parecida a cathram na saida do escape
willian kimieck

Anônimo disse...

quem escreveu esse livro ai em cima, vai dar pro maldonado então, drogado

Leo Santojo disse...

quem escreveu esse livro ai em cima, vai dar pro maldonado então, drogado (2)


auhahuahuahuahuauhauhuah

Luis Torres disse...

kkkkkkkkk
concordo com o Leo

vini disse...

para o cara ai em cima que escreveu um livro...
e se acabar a grana do Pastorzinho... que equipe vai querer ele?

Alexey Karpov disse...

Como disse o amigo anônimo aí em cima, eu realmente vi a pseudo asa na saída do escapamento, lembrando o sistema usado pela Caterham. A FIA já informou que vai investigar a legalidade da peça.

Anônimo disse...

Não tinham tirado o "S" do Senna? Resolveram voltar atrás? Será que isso tem a ver com Toto Wolf?