quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Últimas novidades no mercado de pilotos

Vamos a uma rápida atualização das últimas informações que circulam sobre o mercado de pilotos que negociam para correr na temporada de 2014 da Fórmula 1 e Fórmula Indy:

  • Sebastien Bourdais, tetracapeão da Indy pela extinta Champcar será o substituto de Tony Kanaan na KV Racing ano que vem. o Brasileiro assinou com a Chip Ganassi.
  • O colombiano Carlos Muñoz segue tentando garantir patrocínios para correr na equipe Andretti em 2014 ao lado de Ryan Hunter-Ray, Marco Andretti e James Chichcliffe.
  • A Petrobrás testará seus combustíveis no novo motor V6 da Fórmula 1 na fabrica da Renault essa semana. O empresário de Massa tenta usar esse vínculo para ajudar a conseguir a vaga do brasileiro na Lotus (via Fabio Seixas)
Curta a página do BLOG no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1
  • O empresário de Felipe Massa, Nicolas Todt (ao fundo na foto acima) fez uma sondagem na Williams para saber sobre as chances do brasileiro por lá e teria sido surpreendido pela ótima receptividade. (via Fabio Seixas)
  • A McLaren já teria definido a continuidade de Button para 2014, mas poderá oferecer a um contrato mais longo para que encerre sua carreira pela equipe em 2016.
  • A relação entre Sérgio Perez e a McLaren não está boa. Segundo Livio Oricchio, o mexicano tem uma "personalidade extremamente difícil" e "Martin Withmarsh já não o suporta mais", a ponto de se a equipe achar um substituto que realmente valha a pena (Hulk) o próprio patrocinador (a mexicana Telmex) concordaria com a substituição, mantendo o apoio aos ingleses.
  • O bilionário sogro de Giedo van de Garde, ambos da Holanda, teria demonstrado interesse em comprar as ações de Toto Wolff da Williams. Se isso ocorrer, as chances do atual piloto da Caterham migrar para o time dos carros azuis e brancos cresceria bastante.
  • Outro que tenta e muito uma vaga na Lotus e até na Force Índia seria Pastor Maldonado, com o clima na Williams já bem azedo. O que pega é o contrato entre a PDVSA e a equipe atual até 2015, o que dificulta a migração do patrocínio (e portanto da empregabilidade do venezuelano) para outra equipe.
  • Na Force Índia ninguém está garantido para o ano que vem. Paul Di Resta, que tem uma personalidade pouco gregária e não tem feito boas apresentações, não é visto com grandes chances de continuar. Sutil teria mais, pois conta com o apoio do pessoal técnico. Além disso Hulkenberg, Massa e até Maldonado também estariam no hall de opções com quem negociam.
  • Sobre Hulkenberg, aliás, parte da mídia alemão divulgou ontem que o anuncio dele na Lotus poderia sair nas "próximas horas". Hoje o empresário do piloto veio a público negar que qualquer coisa tenha sido assinada e que nada será anunciado essa semana. Segundo se fala Lotus, Force Índia, Sauber e até a McLaren são as possibilidades do alemão. No começo da semana jornalistas da Sky ventilaram até uma ida à Ferrari caso Alonso vá pra McLaren, mas duvido.

5 comentários:

Catanho disse...

Inácio, bom dia!
o que me acha a atenção é que todo mundo na F1 esta falando, mesmo o empresário do Massa, será que já tem alguma coisa garantida ou está esperando ver o que vai sobrar...se é que vai sobrar alguma coisa!
O que vc acha????
abraços

Anônimo disse...

Na capital venezuelana, a Williams tenta salvar seu acordo de patrocínio com a direção da PDVSA. A informação é que a empresa petrolífera estaria disposta a pagar a multa e quebrar o contrato com a equipe de Frank para favorecer a Lotus. Parece que a pressão de Pastor Maldonado está fazendo efeito.
http://f1corradi.blogspot.com.br/2013/10/up-to-date_17.html

Então, a coisa esta mesmo feia na Williams, ela pode perder um forte patrocinador e ainda pegar o decadente Felipe Massa como piloto. Desde 2010, dos times de ponta, o brasileiro é disparado o mais fraco do grupo, e só não esta pior na tabela em 2013 porque a Mclaren fez um péssimo carro. Felipe esta tomando calor até do "maníaco da primeira volta", Grosjean esta a três pontos de Felipe na tabela. O francês em 35 corridas pela Lotus já conseguiu seis pódios. O brasileiro desde 2010 só conseguiu oito após 73 corridas.

Felipe Massa na decadente Williams seria um TAPA NA CARA do Galvão, mas ele merece!!! E Galvão foi taxativo em Monza, o desempenho de Felipe naquela prova já seria suficiente para renovação na Ferrari. Desempenho onde, nem pódio fez? O que eu vi foi Massa mais uma vez abaixar a cueca para o espanhol...

Fernando Alonso ultrapassa Felipe Massa e já é o segundo colocado.
http://globotv.globo.com/rede-globo/formula-1/t/provas/v/fernando-alonso-ultrapassa-felipe-massa-e-ja-e-o-segundo-colocado/2810811/

Galvão sequer questionou o jogo de equipe, ainda achou normal o espanhol ser favorecido em Monza, como o mundo da voltas! Hilário mesmo vai ser no GP da Índia, Galvão vai mudar o discurso e colocar Felipe como novo herói nacional.

"O Felipe fez muito bem em não facilitar para o espanhol no Japão. Agora ele vai pra cima do Alonso!"

Chamem o Tiririca, só posso rir de tudo isso...

Geraldo disse...

iNÁCIO, Li que a HONDA talvez seja o motor da equipe Andretti em 2014, será que o Bruno Senna não teria uma chance de correr por lá, ou será que a falta da corrida do Brasil em 2014 e fato de ele admitir que não correria em ovais o afastam da INDY?

Anônimo disse...

Inácio,

estão dizendo que o motor Mercedes será o mais forte da fórmula 1 o ano que vem, o que leva algumas equipes ganharem vantagem com isso, como ex: McLaren, Mercedes, Force Índia e outros. Se o Hulk assinar mesmo com a Lotus, você acha que o Felipe Massa possa se dar bem na McLaren ? Ele tem chances na Lotus ?

luiz lobo filho disse...

Meu sonho infantil era ver Nelsinho Piquet de volta a F1, o cara é fera... só foi usado, por mais não pareça, pela ingenuidade da idade