sexta-feira, 11 de outubro de 2013

A morte Maria de Villota

Foi encontrada morta em um quarto de Hotel na cidade de Sevilha, Espanha, a piloto Maria de Villota, que ficou famosa por sofrer e depois se recuperar exemplarmente de um lamentável acidente enquanto testava um carro da equipe Marussia de F1 e perder o olho direito. Ela tinha apenas 33 anos de idade

A polícia espanhola suspeita de morte natural, pois não foram encontrados ao lado dela medicamentos, drogas ou mesmo sinais de alguma violência que ensejasse se tratar de uma morte induzida por ela ou terceiros.

Curta a página do BLOG no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1

Ela estava na cidade para mais uma palestra e para lançar semana que vem sua autobiografia intitulada "La Vida es un Regalo" - "A Vida é um Presente". Ela havia se tornado embaixadora da comissão da FIA para mulheres no automobilismo e apesar do fim de sua carreira no automobilismo estava feliz com sua recuperação e com o novo papel que desempenhava mundo afora.

Familiares, pilotos e chefes de equipe da comunidade da Fórmula 1 e das outras categorias pela qual competiu antes expressaram suas condolências pela terrível perda. É realmente muito triste esse acontecimento e me solidarizo com todos que a conheciam, especialmente com a família que está passando por um momento de terrível dor.

ATUALIZADO: Segundo o jornal espanhol El Pais, o Instituto de Anatomia Forense de Sevilha confirmou em exame necroscópico realizado há pouco que as causas da morte da piloto Maria de Villota foram "absolutamente naturais", sem entretanto entrar em maiores detalhes.

ATUALIZADO 2: A Família informa que a morte se deu por consequência daquele acidente da F1: "Maria nos deixou quando dormia, aproximadamente às 6 horas, como consequência das lesões neurológicas que sofreu em julho de 2012 (acidente com o carro da Marussia), de acordo com o resultado da autópsia"

5 comentários:

Emilio disse...

Triste.

Vanderval disse...

Poxa que baque...

davies rodrigues disse...

Nossa, apenas 33 anos e morte por causas naturais! Isso é triste mesmo... Todos perdemos um exemplo de superação e de vida, que Deus esteja com ela!

Bill Mask disse...

Rapaz,

É bastante dura a notícia.
Da a sensação de que seria algo de consequência tardia do acidente...

Uma pena.

Abraço pra tu Inácio

Anônimo disse...

naturais aos 33 anos?!
muito estranho isso.
deve ter alguma coisa haver com o acidente que ela teve.
a familia até agradeceu por ela ter conseguido ficar mais um ano e meio.