domingo, 29 de setembro de 2013

Vortex de um F1

Curta a página do BLOG no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1

Nessa rara imagem acima, captada nesse ano na etapa de Spa-Francorchamps, vemos claramente a aerodinâmica de um carro de Fórmula 1 sendo visível na prática. Repare como aparecem aqueles vórtices, redemoinhos de ar (vortex, em inglês) nas laterais posteriores dos pneus, como resultado do desenho lateral das asas e dos próprios pneus dianteiros.

Além disso vemos o mesmo fenômeno se repetindo fartamente no canto da asa traseira e no topo do carro, atrás da entrada de ar superior/Santo Antonio. É a aerodinâmica ao alcance dos olhos graças à elevada umidade do ambiente que permitiu a condensação do ar no momento das fotos!

6 comentários:

Anônimo disse...

Isso aí aí um fantasma isso sim..O Alonso deve estar como exu no corpo!

Ildo Miola disse...

Legal demais!!!

mlbelem disse...

Muito bom!! Tenho gostado muito deste blog e recomendado a leitura para os automobilistas de verdade. Parabens!!

tchê! disse...

Acho que tem mais chance de aparecer quando a umidade está alta, né?

José Inácio Pilar disse...

Obrigado mlbelem!

E é isso mesmo Tchê!

LenneF1 disse...

por mim poderia ser fumaça e ele encostando logo em seguida rsss