sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Massa é obrigado a aceitar ordens de equipe desde 2002, veja

Um vídeo que só recentemente veio a ser mais conhecido mostra que Felipe Massa foi obrigado a dar passagem à Nick Heidfeld no seu ano de estreia na Sauber em 2002 (mesmo ano da polêmica ordem de equipe que mando Barrichello dar passagem à Schumacher). A ordem por rádio é clara e cristalina, dita de forma pausada e enfática: "Felipe, deixe Nick passar imediatamente", e o que se vê em seguida é Massa deixando o alemão passar. Apesar (e talvez também por causa) disso, o clima entre o piloto e o dono da equipe Peter Sauber foi azedando ao longo do ano e ao fim dessa temporada o piloto brasileiro acabou demitido da Sauber se tornando piloto de testes da Ferrari em 2003.



Como se vê as ordens de equipe (que não são aplicadas apenas aos pilotos brasileiros, não tenha dúvida) já eram muito mais corriqueiras do que ficavamos sabendo pela TV e imprensa e deverão continuar a acontecer pois é da natureza da Formula 1, ainda que elas sejam lamentáveis e muitas vezes não gostemos.

6 comentários:

jpsdo disse...

por isso ele foi contratado pela ferrari!!!

huahuahuahua

Henderson disse...

e foi na Alemanha também.

Anônimo disse...

Interessante este vídeo!

Para o Heidfeld eu não sabia que o Massa tinha dado passagem.

Conforme o comentário acima, foi por isso que o Schumacher o aceitou como companheiro na Ferrari. O mesmo ocorreu com o Alonso.

Triste isso, não pelo Massa, pouco me importa o Massa, mas pelo esporte teatral que somos obrigados a ver...

julio disse...

É bem simples... Alô senhores patrocinadores, coloquem uma clausula em seus contratos de patrocínio, dizendo que não aceitam ordens antidesportivas e punam com multa.

Money Rules!

Julio Peixoto disse...

De fato!!! não acontece somente com Brasileiros...

http://www.youtube.com/watch?v=Ia8d-oupdMs&feature=player_embedded

Fisichella recebe ordem para deixar alonso passar... da mesma forma que o massa recebeu... alonso é mais rapido que vc...

Roberto Taborda disse...

Na verdade, ele SE RECUSOU, durante muitas voltas, a dar passagem.essa gravação é a ultima. Teria havido uma grande discussão nos boxes, onde Peter Sauber teria ficado furioso, inclusive futuramente tirando o piloto do Gp EUA, depois de um erro e um acidente com De La Rosa. Houve punição da FIA em 10 posições na época, mas Sauber aproveitou e tirou ele da Prova, colocando Frentzen.