sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Asa traseira móvel em ação

Logo após o seu lançamento, o F150 da Ferrari já foi para a pista nas mãos de Fernando Alonso para fazer o "shakedown" - checagem para ver se todos os sistemas elétrico, eletrônicos, hidráulicos e mecânicos funciona bem. Uma das primeiras consequências foi descortinar para nós como funciona a asa traseira móvel. Nas imagens abaixo fica visível a abertura que se cria entre a asa principal horizontal e a asa secundaria - a que de fato se inclina mais ou menos dependendo da regulagem. Amanhã Felipe Massa assumirá o volante do novo carro usando a mesma justificativa que a Ferrari usou para andar hoje: "Filmagens publicitárias". Veja as imagens comparativas:

Clique nas imagens para ampliá-las

3 comentários:

Pedro disse...

Ótimo!!! Seu blog é brilhante, muito melhor que o Reginaldo Leme. Você devia estar Globo cara!

Só você acha essas coisas técnicas!

Demais!

Anônimo disse...

caraca como vc consegue, mao saiu o carro e vc ja tem alguma coisa de nova huahuahuahuahau vc é muito rapido....

Victor disse...

Alguém mais reparou as duas pequenas aberturas q tem na parte superior do carro da Ferrari próximo a entrada de ar?
Nunca tinha visto em nenhum dos outros carros dos anos anteriores. Novidade aerodinâmica?